• Telefone: +55 16 3934-1055 / +55 16 3615 0055
  • E-mail: ferraz@ferrazmaquinas.com.br
12/04/2017

A gelatinização consiste basicamente na ruptura das paredes das células de amido. Todo o processo de aquecimento e de forçar o grão a ser prensado entre os cilindros (laminação) visa efetivamente a aumentar o grau de gelatinização do amido.

Aumento da eficiência de produtos laminados fornecidos a bovinos para produção de leite:

  • Milho – 3-10%
  • Cevada – 10-12%
  • Sorgo – 14%

    Nos processos utilizados na laminação de milho encontramos os seguintes parâmetros:

     

    Como podemos ver a adição de vapor (calor e umidade) aos grãos proporciona um aumento na gelatinização do amido. A ação dos cilindros comprimindo e pressionando os grãos irá causar uma ruptura nas paredes das células e produzir uma gelatinização considerável.

  • Como podemos ver a adição de vapor (calor e umidade) aos grãos proporciona um aumento na gelatinização do amido. A ação dos cilindros comprimindo e pressionando os grãos irá causar uma ruptura nas paredes das células e produzir uma gelatinização considerável.

     

    A qualidade do produto final é diretamente proporcional ao tempo de retenção; quanto maior o tempo na câmara de vapor, melhor gelatinização, menos finos, menor carga no motor do laminador, melhor penetração de calor e umidade nos grãos.

     

    Um mínimo de 20 minutos é o tempo recomendado para laminação com maiores espessuras, enquanto um tempo de 40-50 minutos será necessário para produzir grãos de alta qualidade com espessura menor que 1.50mm.

     

    A gelatinização do amido depende basicamente de três fatores:

    1. Umidade
    2. Temperatura
    3. Distancia entre os cilindros

     

    Para que haja gelatinização, a massa de grãos deve atingir uma temperatura de aproximadamente 90°C e uma umidade de 16.5-17.5%.

    A distância entre os rolos deve ser a menor possível, porém usualmente este número situa-se entre 1.00-2.00mm.

    É importante que estes valores sejam atingidos, sem o que corremos o risco de não conseguir os benefícios pretendidos no processo.

     

    Tempos de retenção (min.) recomendados para diversos produtos: