• Telefone: +55 16 3934-1055 / +55 16 3615 0055
  • E-mail: ferraz@ferrazmaquinas.com.br
05/06/2019
Imagem: Rawle C. Jackman/Creative Commons Imagem: Rawle C. Jackman/Creative Commons

Diversos tutores comentam sobre seus cães comerem muito rápido e vomitarem em seguida. Isso pode estar relacionado ao tipo do comedor. Refluxo também pode ser uma queixa em cães. Mas uma simples mudança pode fazer a diferença e conforto ao animal: comedouro lento e alto.

Muitos cães apresentam algum tipo de dificuldade durante a alimentação, como engasgos, lamber o ar, regurgitação e vômitos. Em parte, devido a postura incorreta durante a alimentação. Os animais que se alimentam muito rápido engasgam com maior frequência e a má postura crônica aumenta a pré-disposição para doenças ortopédicas. Isso é observado principalmente nos cães que utilizam comedouros comuns que não permitem uma postura adequada durante sua utilização. Essa condição pode gerar dor, desconforto e recusa em se alimentar, justamente nos momentos que deveriam ser prazerosos.

Para colaborar com o bem-estar dos cães durante as refeições, é preciso se atentar ao tipo de comedouro e bebedouro utilizados. No mercado pet não existia essa preocupação unindo os benefícios ortopédicos (elevado) e digestivos (lento), pois os produtos oferecidos seguiam, no máximo, apenas um padrão de benefício, ou alto ou lento.

Pensando nisso, uma empresa brasileira, focada em produtos para aumento do bem-estar e enriquecimento de cães e gatos, traz para o mercado o Dog Eat e o Dog Drink. Comedouro e bebedouro altos, que visam melhorar o conforto e a postura durante a alimentação e ingestão de água.

O Dog Eat é um comedouro exclusivo para cães de pequeno porte que proporciona uma postura mais confortável durante a refeição. Com uma superfície exclusiva, diminui a velocidade de ingestão, por uma altura e peso adequados e pés antiderrapantes. Assim, permitem que um cão de pequeno porte se alimente de um modo mais saudável e divertido, evitando problemas de saúde associados a ingestão muito rápida de alimentos. É uma forma de garantir mais entretenimento e enriquecimento ao peludo.

Já o Dog Drink é um bebedouro com proposta ergométrica para cães de pequeno porte. Sua altura e peso adequados, com maior diâmetro de superfície, pés antiderrapantes e uma cavidade funda e côncava auxiliam a minimizar e evitar o desconforto dos cães pequenos com pré-disposição a desenvolver problemas ortopédicos.

Já experimentei ambos os produtos com a Aurora, minha chihuahua de 2,5 kg, com problemas ortopédicos. Ela se adaptou muito bem ao dog eat, principalmente quando é oferecido um alimento úmido, o favorito dela. Além de comer mais devagar, ela não engasga. Ao contrário de quando usa o comedouro baixo e faz uns barulhos estranhos enquanto come. Mesmo sendo indicado apenas para cães, ofereci para os gatos também. Eles aprenderam rapidamente como enfiar a pata nos baixos relevos e retirar a alimentação.

Sobre o Dog Drink, o produto não permite se feito de piscina pela Aurora. Agora ela parou de tomar banho dentro do pote, já que o novo, por ser alto, não permite tal travessura.

O Dog Eat e Dog Drink são exclusivos no Brasil, único alto e lento no mesmo produto. Desenvolvidos para melhorarem a qualidade de vida dos cães de pequeno porte.

fonte: emais.estadao

Whatsapp