• Telefone: +55 16 3934-1055 / +55 16 3615 0055
  • E-mail: ferraz@ferrazmaquinas.com.br
29/10/2021
Por svitlanah, de envato elements Por svitlanah, de envato elements

A primeira dica para levar o seu cachorro no avião com tranquilidade é habituá-lo à situação antes do voo. Isso porque a viagem pode causar muito estresse e até pânico para os cães que nunca entraram

As férias do fim de ano estão chegando, o destino já foi traçado, as passagens foram compradas e o pet foi incluído no pacote. É aí que surge uma dúvida muito comum: como levar cachorro no avião?
A princípio, o tema sobre como viajar com cachorro de avião veio à tona um pouco antes do habitual neste ano. Isso porque uma empresa aérea decidiu suspender o transporte de pets no porão das aeronaves após dois casos de óbito e cães em apenas um mês.

Os casos aconteceram na parte do bagageiro do avião, que é onde as companhias aéreas permitem que cães de médio e grande porte viagem. “Mas, então, tem como evitar que o meu pet seja transportado nesta área do avião?” É o que a gente vai te explicar!

Pode viajar com o cachorro de avião?

Na grande maioria das companhias aéreas brasileiras é permitido viajar com cachorro de avião. Entretanto, cada uma possui suas regras, uma vez que não existe uma legislação específica sobre o tema.

Portanto, antes de escolher a companhia aérea, o ideal é pesquisar sobre as determinações de cada uma. Assim, você pode comprar a sua passagem com a companhia cuja política de transporte de animais seja a mais agradável para você e o seu pet.

Bagageiro do avião: a grande polêmica!

A princípio, a maioria das companhias aéreas permite apenas que cachorros de pequeno porte e gatos viagem na cabine junto aos demais passageiros. Dentro de uma bolsa de transportes para pets, o cãozinho pode ser levado na parte de baixo dos assentos.

Entretanto, no caso dos cães de médio e grande porte, não é possível transportá-los na cabine. Logo, a única alternativa para viajar com o cachorro de avião é levá-lo no bagageiro, que fica na parte de baixo da aeronave.

Informação importante: algumas companhias aéreas não transportam cães de algumas raças como Boxer, Chow Chow, Staffordshire Bull Terrier, Buldogue Inglês, entre outros. Portanto, por mais que seu cão esteja com as vacinas em dia e com atestado de boa saúde, ele poderá ser impedido de viajar caso a raça dele esteja entre as que não são aceitas pela companhia.

Como levar cachorro no avião: documentação necessária

A princípio, apesar de não haver uma legislação específica para levar pets no avião, alguns documentos padrões são requeridos antes da viagem.

Para viagens nacionais, você precisará ter:

Atestado de saúde;
Carteira de vacinação;
Comprovante atualizado de vacina antirrábica.
Para viagens internacionais:

Carteira de vacinação do cachorro;
Certificado Zoosanitário Internacional (CZI);
Certificado Veterinário Internacional (CVI);
Laudo Sanitário.

No caso das viagens internacionais, alguns Países pedem que o pet tenha um microchip implantado, para que ele possa ser identificado. Caso não conheça, o chip para cachorro, que é do tamanho de um grão de arroz, serve para armazenar as principais informações do pet, como nome, espécie, sexo, cor, idade, raça e os dados do tutor.

Dicas de como levar cachorro no avião

A primeira dica para levar o seu cachorro no avião com tranquilidade é habituá-lo à situação antes do voo. Isso porque a viagem pode causar muito estresse e até pânico para os cães que nunca entraram em um avião ou ao menos em uma caixa de transporte.

Por isso, o ideal é que você introduza uma experiência parecida para que ele se habitue à caixa de transporte.

Uma boa maneira é colocá-lo dentro da caixa para um passeio de carro. Aos poucos, você pode ir aumentando a frequência e o tempo dos passeios. Também é importante fazer com que a experiência seja totalmente positiva para ele. Apenas dessa forma é possível evitar com que a viagem de avião seja um momento de muita angústia e estresse para ele.

Além disso, alguns produtos específicos para pets podem ser usados para garantir que o pet não sofra durante a viagem. O Adaptil, por exemplo, juntamente com um trabalho de um profissional de comportamento qualificado, também pode ser muito positivo para garantir que a viagem seja tranquila.

A seguir, veja algumas dicas simples de como levar cachorro no avião e evitar que a experiência seja negativa:

1- Deixe a caixa de transporte aberta e sempre à vista do seu cachorro para que ela se torne familiar para ele.
2- Ofereça petiscos dentro dela e faça um carinho quando ele entrar
3- Se possível, ofereça uma das refeições do dia dentro da caixa
4-Faça passeios gradativos com ele dentro da caixa
5- Nunca force o seu cachorro a entrar na caixa
6-Decidi não levar meu cachorro para a viagem, o que fazer?
7-Se decidiu não levar o pet para a viagem, temos uma dica valiosíssima: você pode contar com a DogHero! Com certeza ele estará em boas mãos quando não estiver em casa. Vale conferir nossa outra matéria sobre onde deixar o cachorro quando for viajar.

Agora que você já sabe como levar cachorro no avião e algumas boas dicas para ele não sofrer durante a viagem, visite o blog da Petlove para mais dicas e informações sobre comportamento canino!

FONTE: Petlove

Fonte: Circuitomt.com.br