• Telefone: +55 16 3934-1055 / +55 16 3615 0055
  • E-mail: ferraz@ferrazmaquinas.com.br
12/02/2020
Imagem retirada de https://www.euqueroinvestir.com/producao-mundial-de-racoes-tem-queda-inedita-de-107/ Imagem retirada de https://www.euqueroinvestir.com/producao-mundial-de-racoes-tem-queda-inedita-de-107/

A edição de 2020 da Pesquisa Global de Rações apresentou queda inédita na produção mundial de rações. De acordo com o levantamento, realizado pela empresa Alltech, a produção mundial de rações para animais diminuiu 1,07%. A queda, se deve, principalmente, à Peste Suína Africana (PSA), que resultou no declínio de ração suína na região da Ásia Pacífico.

Entretanto, na produção mundial de rações, se destaca a América Latina, que mesmo com a queda mundial, cresceu 2,2%. Desta forma, atingiram a marca de 167,9 milhões de toneladas métricas de rações produzidas (MTM). O Brasil se manteve como produtor líder da região e o terceiro maior do mundo. Sendo assim, com predominância de produção de rações para as espécies de frango (32,1 MTM) e suínos (MTM).

Ranking da Produção Mundial de Ração
No ranking da Produção Mundial de Ração, os Estados Unidos, pela primeira vez, ultrapassa a China, ficando em primeiro lugar. Em seguida, vem a China, seguida por Brasil, Rússia, Índia, México, Espanha, Japão e Alemanha, respectivamente. Sendo assim, juntos, os países respondem a 58% do total da produção global de ração animal. Além disso, os dados indicam que possuem 57% das fábricas no mundo – o que pode ser visto como o indicador das tendências no agronegócio.

Resultados Pesquisa 2020
Os resultados da Pesquisa Mundial de Rações foram apresentados pelo presidente e CEO da Alltech, Mark Lyons, durante painel com transmissão online realizado na sede global da empresa, em Nicholasville, Kentucky.

fonte: Eu quero investir



Whatsapp