• Telefone: +55 16 3934-1055 / +55 16 3615 0055
  • E-mail: ferraz@ferrazmaquinas.com.br
15/08/2016
Mais detalhes sobre o tema, no artigo publicado na edição nº 204 da Revista Cães&Gatos VET FOOD, em revistacaesegatos.com.br Mais detalhes sobre o tema, no artigo publicado na edição nº 204 da Revista Cães&Gatos VET FOOD, em revistacaesegatos.com.br

Beta-glucanos são polissacarídeos lineares encontrados principalmente na parede celular de leveduras, fungos, bactérias e grãos.  Em geral, possuem ramificações compostas por ligações, enquanto os presentes na parede celular de fungos e leveduras, apresentam ramificações compostas por ligações.

Os beta-glucanos são resistentes ao processo digestivo e o tipo de ligação determina a sua solubilidade em água. A efetividade de utilização dessa molécula pelos animais é influenciada principalmente por diferenças estruturais, tais como solubilidade, conformação e grau de ramificação. Desta forma, os beta-glucanos produzidos a partir de leveduras são mais complexos e mais difíceis de serem degradados por células apresentadoras de antígenos, fato esse que lhes conferem maior influência no sistema imunológico.

Leia mais no artigo publicado na edição de agosto da C&G VF, aqui

Confira a bibliografia utilizada pelas autoras.

ARAÚJO, T. V. Efeito da ingestão de beta glucanos (Saccharomyces cerevisiae) sobre parâmetros metabólico de ratos Wistar obesos. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) – Universidade Federal de Lavras, Lavras.

AKRAMIENE, D. et al. Effects of beta-glucanos on the immune system. Medicine, Kaunas, v. 43, n. 8, p. 597-69.

BEYNEN, A. C.; LEGERSTEE, E. Influence of dietary beta-1,3/1,6-glucans on clinical signs of canine osteoarthritis in a double-blind, placebo-controlled trial. American Journal of Animal and Veterinary Sciences, New York, v. 5, n. 2, p. 97-101, set. 2010.

FUJITA, A. H.; FIGUEROSA, M. O. R. Composição centesimal e teor de β-glucanas em cereais e derivados. Ciência e Tecnologia de Alimentos, Campinas, v. 23, n.2, p. 116-120, set. 2003.

HALADOVÁ, E. et al. The effect of β(1,3/1,6)d-glucan on selected non-specific and specific immunological parameters in dogs after vaccination. Folia Veterinaria, Košice, v. 53, n. 1, p. 43- 46, jan. 2009.

RYCHLIK, A. et al. The effectiveness of natural and synthetic immunomodulators in the treatment of inflammatory bowel disease in dogs. Acta Veterinaria Hungarica, Budapest, v. 61, n. 3, p. 297-308, set. 2013.

STUYVEN, E. et al. Oral administration of beta-1,3/1,6-glucan to dogs temporally changes total and antigen 1 specific IgA and IgM. Clinical and Vaccine Immunology, Washington, v. 17, n. 2, p. 281-285, fev. 2010.

VERBRUGGHE, A. et al. Β-1,3/1,6-glucans downregulate whole blood NFκΒ and IL-1β mRNA expression and alveolar bone loss in feline periodontal disease. In: CONGRESS OF THE EUROPEAN SOCIETY OF VETERINARY AND COMPARATIVE NUTRITION, 16, 2012, Bydgoszcz: ESVCN, 2012. p. 52-52.

ZAINE, L. Avaliação do efeito de derivados de parede celular de levedura de cana-de-açúcar (Saccharomyces cerevisiae) sobre a resposta imune de cães adultos. 2010. Dissertação (Mestrado em Medicina Veterinária)- Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias. Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal.

ZAINE, L. et al. Nutracêuticos imunomoduladores com potencial uso clínico para cães e gatos. Semina: Ciencias Agrárias, v.35, n 4s, p. 2513-2530, 2014.

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD.

 

LEIA A MATÉRIA DA REVISTA CLICANDO AQUI!